Google+ Followers

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Texto e Discurso - Intertextualidade



Escola Dr. Jaime Monteiro                                                                      Profª Márcia Oliveira

Texto e discurso
Intertextualidade:  é a relação entre dois textos em que um cita o outro.
Algumas vezes, ao ler um texto ou ver uma determinada propaganda, você tem a sensação de que aquilo lhe lembra algum texto conhecido. Veja:
 
 

As relações intertextuais mais comuns:

1. Intertextualidade estrutural
    Consiste no emprego de modelos de estrutura preexistentes para a produção de textos, como receita, carta pessoal e gibi.

2. Intertextualidade temática
    Consiste na abordagem do mesmo assunto, como, por exemplo, uma tela e um texto; um filme e a crítica do filme; uma propaganda e um artigo científico sobre o mesmo tema.

3. Intertextualidade referencial
    Consiste na citação de outros textos.
Paródia: é um tipo de relação intertextual em que um dos textos cita o outro com o objetivo de fazer-lhe uma crítica ou inverter ou distorcer suas ideias, divertir, entreter etc.

Observação: os textos I e II, mostrados acima, também são exemplos de paródia.



Citação: é citar, literalmente, as palavras de outro. Isso ocorre quando queremos, em um texto opinativo, por exemplo, comentar, discordar ou endossar a idéia da outra pessoa. Ao citar um texto, é preciso destacá-lo de alguma forma(usando aspas ou colocando  em um quadro diferente) e indicar a referência(a fonte).Copiar e não identificar a fonte de um texto, além de antiético, é ilegal e passível de punição.

 

Paráfrase: Quando se faz um paráfrase  de um texto, não se cria nenhum sentido novo. Ao contrário, a paráfrase deve manter, tanto quando possível, os sentidos do texto original. No cotidiano, parafraseamos alguém quando contamos o enredo de um filme, o capítulo da novela, quando repetimos a explicação do professor, quando resumimos um textos qualquer.

ATIVIDADES

01. O texto I (Camões), o texto II( Epistola de São Paulo aos Coríntios) e o texto III( letra da música do grupo Legião Urbana) apresentam uma relação de intertextualidade. Aponte um elemento dos textos I e III que faz referencia direta com o texto I.

02. Observe o texto bíblico no qual Renato Russo se inspirou para compor sua canção e responda:
a. Qual é o sentimento ou a virtude humana destacada nesse trecho da                    bíblia?

b. Que alteração Renato Russo fez no texto original em relação a esse sentimento ou virtude humana?

03. Para o poeta Luis de Camões( texto I), a característica fundamental do amor é o(a):
a) abnegação     b) contradição      c) desprendimento     d) ilusão

04. Com o primeiro verso do texto I, o poeta sugere que o sentimento do amor é sobre maneira:
a) interior e sereno     b) exterior e calmo    c) íntimo e veemente/forte

00. Analise a propaganda  do GREENPEACE e responda:
a. Com qual texto a propaganda está “dialogando”?

b. Qual a importância da intertextualidade entre esse texto e a história original para alcançar o efeito publicitário desejado?

c. A propaganda foi veiculada para promover a conscientização dos leitores sobre problemas na relação entre o ser humano e o ambiente. Ela vale-se do recurso da intertextualidade  para abordar um problema sério. Qual seria?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.