Google+ Followers

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Função Sintática dos Pronomes Relativos




FUNÇÃO SINTÁTICA DOS PRONOMES RELATIVOS


As orações subordinadas ADJETIVAS são introduzidas por um pronome relativo que se refere a um antecedente da oração principal. Esse  pronome relativo desempenha a mesma  função sintática do seu antecedente . Exemplo:
·        
1. sujeito:
O homem [que trabalha] acumula riquezas.
(o pronome relativo que substitui homem – o homem trabalha. Se homem é sujeito,  o pronome relativo que também será sujeito) 
·        
2. objeto direto:
Os livros  [que li] me enriqueceram muito.
(que substitui os livros –  li os livros. Se livros é objeto direto,  o pronome relativo que também é objeto direto.) 
·        
3. objeto indireto:
As pessoas [de quem gostamos] compareceram à festa.
(quem substitui as pessoas – gostamos das pessoas – das pessoas é objeto indireto, logo o pronome relativo  que também é objeto indireto)  
·        
4.predicativo do sujeito:
O aluno dedicado, [que ele sempre foi,] hoje está recebendo sua devida recompensa.
(que substitui o aluno dedicado – ele sempre foi  o aluno dedicado  – o aluno dedicado é  predicativo do sujeito, logo  o pronome relativo que também é predicativo do sujeito) 
·        
5.predicativo do objeto:
Ele não é mais o homem honesto [que todos  julgavam  até o ano passado].
(que substitui o homem honesto – todos o julgavam  honesto – o homem é objeto direto e honesto é predicativo do objeto, logo  o pronome relativo que também é predicativo do objeto) 
 ·        
6.complemento nominal:
O ator [a que fizeram referência] foi premiado.
(que substitui o ator – fizeram referência ao ator que é complemento nominal de referência, logo, o pronome relativo que é complemento nominal) 
  ·        
7.adjunto adnominal:
O garoto [cujo pai é delegado] deverá seguir a carreira do pai. ( cujo pai= pai do garoto)
(cujo substitui o garoto – o pai do garoto é delegado – se  do garoto é adjunto adnominal, logo  o pronome relativo cujo também é adjunto adnominal.)
   ·        
8.agente da passiva:
O médico [por quem fui atendida] deixou-me bem à vontade.
(quem substitui o médico –  fui atendida pelo médico. Se médico é agente da passiva , o pronome relativo  quem também é agente da passiva) 
·     
 9.adjunto adverbial:
A cidade [onde] é bastante tranquila.
onde substitui a cidade – moro na cidade =  adjunto adverbial de lugar , logo o pronome relativo onde também é adjunto  adjunto adverbial)

Nenhum comentário:

Postar um comentário