Google+ Followers

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Uso das gírias - texto de humor


Sugestão: assistir ao vídeo da TV CULTURA http://www.youtube.com/watch?v=cTyzpLtCGYM

     
 O texto de humor que segue foi veiculado na Internet em 2003. Leia-o e responda às questões propostas.

Assaltante nordestino
         –Ei, bichin…  Isso é um assalto… Arriba os braços e num se bula nem faça muganga… Arrebola o dinheiro no mato e não faça pantim  se não  enfio  a  peixeira  no  teu  bucho  e boto  teu  fato  pra fora! Perdão, meu Padim Ciço, mas é que eu to com uma fome da moléstia…

Assaltante mineiro
        - Ô sô, prestenção... Isso é um assarto,uai... Levanta os braço e fica quetim quesse trem na minha mão tá cheio de bala... Mió passá logo os trocado que eu nun tô bão hoje. Vai andando, uai! Tá esperando  o quê, uai!!

Assaltante gaúcho
        - O, guri, ficas atento...Bah, isso é um assalto... Levantas os braços e te aquietas, tchê! Não tentes nada e cuidado que esse facão corta uma barbaridade, tchê. Passa as pilas pra cá! E te manda a la cria, senão o quarenta e quatro fala.

Assaltante carioca
        -Seguinte, bicho...Tu te deu mal. Isso é um assalto. Passa a grana e levanta os braços, rapá... Não fica de bobeira que eu atiro bem pra... Vai andando e, se olhar pra trás, vira presunto...

  Assaltante baiano
         – Ô meu rei… (longa pausa) Isso é um assalto… (longa pausa). Levanta os braços, mas não se avexe não… (longa pausa). Se num quiser nem precisa levantar, pra num ficar cansado… Vai passando a grana, bem devagarinho… (longa pausa). Num repara se o berro está sem bala, mas é pra não ficar muito pesado… Não esquenta, meu irmãozinho (longa pausa). Vou deixar teus documentos na encruzilhada…

Assaltante paulista
         –  Orra, meu…  Isso  é  um  assalto, meu…  Alevanta  os braços, meu… Passa a grana logo, meu… Mais rápido, meu, que eu ainda  preciso  pegar  a  bilheteria  aberta  pra comprar  oingresso  do  jogo  do  Corinthans,  meu…  Pó,  se  manda, meu…


1.      Qual o tipo de variação linguística presente no texto acima?
2.      Explique a diferença entre gíria x jargão?
3.      Para que servem as gírias e os jargões?
4.      As pessoas que exageram no uso das gírias acabam sendo esteriotipadas, discriminadas por outros grupos. Explique porque isso acontece.
5.      Entre os jovens, além das gírias vários outros elementos identificam os membros de um mesmo grupo. Elenque alguns desses elementos.
6.      O que aconteceria a um candidato que, durante uma entrevista de emprego, utilizasse gírias e/ou linguagem informal?
7.      Pesquise com seus familiares e com pessoas mais antigas algumas gírias que eles costumavam usar em sua juventude.



Respostas;
1.       Variação popular ou social
2.       As gírias, às vezes, ultrapassam as fronteiras de determinados grupos sociais e passam a ser usadas por boa parte da população. Já o jargão está diretamente ligado a grupos de profissionais.
3.        Para identificar determinados grupos ou categorias sociais, servir de emblema para os membros desses grupos  e excluir os indivíduos externos a  eles.
4.       Resposta pessoal.  Professor, explique que ,em certas situações, esses indivíduos são comparados  com marginais, malandros,
5.       As roupas, os adereços (piercings, tatuagens ), os gostos e uso específico que fazem da linguagem.
6.       Resposta pessoal
7.       Resposta pessoal

Nenhum comentário:

Postar um comentário