Google+ Followers

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Exercício de Língua Portuguesa


                               Exercício de Língua Portuguesa

VERSOS ÍNTIMOS
Augusto dos Anjos

Vês! Ninguém assistiu ao formidável
Enterro de tua última quimera.
Somente a Ingratidão – esta pantera-
Foi tua companheira inseparável!

Acostuma-te à lama que te espera!
O homem, que, nesta terra miserável,
Mora, entre feras, sente inevitável
Necessidade de também ser fera.

Toma um fósforo. Acende teu cigarro!
O beijo, amigo, é a véspera do escarro,
A mão que afaga é a mesma que apedreja.

Se a alguém causa inda pena a tua chaga,
Apedreja essa mão vil que te afaga,
Escarra nessa boca que te beija!

Vocabulário
Quimera: sonho, fantasia, ilusão.
Vil: reles, ordinário, desprezível, infame

01. Quem é o interlocutor do eu lírico no poema?
a) o leitor        b) uma fera         c) a pessoa amada         d) um amigo

02. “Vês! Ninguém assistiu ao formidável/ Enterro de tua última quimera” os versos destacados exprimem
a) uma constatação     b) uma solução      c) um questionamento       d) uma hipótese

03. De acordo com a primeira estrofe do poema
a) O ser humano é solidário nos momentos difíceis.
b) O ser humano abandona os outros nos momentos difíceis.
c) O ser humano só pode contar com a lealdade dos animais.
d) O ser humano tem companheiros que lhe acompanham por toda vida.

04. “Acostuma-te à lama que te espera!”, o tom imperativo no verso expressa
a) uma ordem        b) um pedido            c) um conselho                d) um desejo

05. No verso “Toma um fósforo. Acende teu cigarro!” a linguagem utilizada é
a) formal              b) coloquial                 c) científica             d) culta



06. Segundo o eu lírico o beijo antecede
a) uma atitude de maior intimidade.
b) uma demonstração de afeto e cumplicidade.
c)  um relacionamento baseado no desejo.
d) uma traição a exemplo do que ocorreu com Jesus.  

07. Que sentimento demonstra o eu lírico nos dois últimos versos da primeira estrofe?

08. A decomposição da matéria é um dos temas constantes na poesia de Augusto dos Anjos. Transcreva um verso do poema que comprove tal afirmativa

09. Retire do poema um verso que mostre uma visão pessimista da vida

10. Como pode ser caracterizada a poesia de Augusto dos Anjos?

Nenhum comentário:

Postar um comentário