Google+ Followers

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Exercício de Pontuação


100 EXERCÍCIOS DE PONTUAÇÃO

1. (IBGE) Assinale a opção que apresenta erro de pontuação:
a) Sem reforma, social, as desigualdades entre as cidades brasileiras, crescerão sempre...
b) No Brasil, a diferença social é motivo de constante preocupação.
c) O candidato que chegou atrasado fez um ótimo teste no IBGE.
d) Tenho esperanças, pois a situação econômica não demora a mudar.
e) Ainda não houve tempo, mas, em breve, as providências serão tomadas. 

2. (IBGE) Assinale a seqüência correta dos sinais de pontuação que devem ser usados nas lacunas da frase abaixo. Não cabendo qualquer sinal, O indicará essa inexistência: Aos poucos .... a necessidade de mão-de-obra foi aumentando .... tornando-se necessária a abertura dos portos .... para uma outra população de trabalhadores ..... os imigrantes.
a) O - ponto e vírgula - vírgula - vírgula    
b) O - O - dois pontos - vírgula
c) vírgula, vírgula - O - dois pontos          
d) vírgula - ponto e vírgula - O - dois pontos
e) vírgula - dois pontos - vírgula - vírgula

3. (IBGE) Assinale a seqüência correta dos sinais de pontuação que devem preencher as lacunas da frase abaixo. Não havendo sinal, O indicará essa inexistência. Na época da colonização ..... os negros e os indígenas escravizados pelos brancos ..... reagiram ..... indiscutivelmente ..... de forma diferente.
a) O - O - vírgula - vírgula                       
b) O - dois pontos - O - vírgula     
c) O - dois pontos - vírgula - vírgula       
d) vírgula - vírgula - O - O
e) vírgula - O - vírgula - vírgula 

4. (ABC-SP) Assinale a alternativa cuja frase está corretamente pontuada:
a) O sol que é uma estrela, é o centro do nosso sistema planetário.
b) Ele, modestamente se retirou.
c) Você pretende cursar Medicina; ela, Odontologia.
d) Confessou-lhe tudo; ciúme, ódio, inveja.
e) Estas cidades se constituem, na maior parte de imigrantes alemães. 

5. (BB) "Os textos são bons e entre outras coisas demonstram que há criatividade". Cabem no máximo:
a) 3 vírgulas         
b) 4 vírgulas         
c) 2 vírgulas
d) 1 vírgula
e) 5 vírgulas

6. (CESGRANRIO) Assinale o texto de pontuação correta:
a) Não sei se disse, que, isto se passava, em casa de uma comadre, minha avó.
b) Eu tinha, o juízo fraco, e em vão tentava emendar-me: provocava risos, muxoxos, palavrões.
c) A estes, porém, o mais que pode acontecer é que se riam deles os outros, sem que este riso os impeça de conservar as suas roupas e o seu calçado.
d) Na civilização e na fraqueza ia para onde me impeliam muito dócil muito leve, como os pedaços da carta de ABC, triturados soltos no ar.
e) Conduziram-me à rua da Conceição, mas só mais tarde notei, que me achava lá, numa sala pequena. 

7. (TTN) Das redações abaixo, assinale a que não está pontuada corretamente:
a) Os candidatos, em fila, aguardavam ansiosos o resultado do concurso.
b) Em fila, os candidatos, aguardavam, ansiosos, o resultado do concurso.
c) Ansiosos, os candidatos aguardavam, em fila, o resultado do concurso.
d) Os candidatos ansiosos aguardavam o resultado do concurso, em fila.
e) Os candidatos, aguardavam ansiosos, em fila, o resultado do concurso. 

(CARLOS CHAGAS-BA) Instruções para as questões de números 8 e 9: Os períodos abaixo apresentam diferenças de pontuação, assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta: 8.
a) Pouco depois, quando chegaram, outras pessoas a reunião ficou mais animada.
b) Pouco depois quando chegaram outras pessoas a reunião ficou mais animada.
c) Pouco depois, quando chegaram outras pessoas, a reunião ficou mais animada.
d) Pouco depois quando chegaram outras pessoas a reunião, ficou mais animada.
e) Pouco depois quando chegaram outras pessoas a reunião ficou, mais animada. 

9.
a) Precisando de mim procure-me; ou melhor telefone que eu venho.
b) Precisando de mim procure-me, ou, melhor telefone que eu venho.
c) Precisando, de mim, procure-me ou melhor, telefone, que eu venho.
d) Precisando de mim, procure-me; ou melhor, telefone, que eu venho.
e) Precisando, de mim, procure-me ou, melhor telefone que eu venho. 

10. (SANTA CASA) Os períodos abaixo apresentam diferenças de pontuação. Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta:
a) José dos Santos paulista, 23 anos vive no Rio.
b) José dos Santos paulista 23 anos, vive no Rio.
c) José dos Santos, paulista 23 anos, vive no Rio.
d) José dos Santos, paulista 23 anos vive, no Rio.
e) José dos Santos, paulista, 23 anos, vive no Rio. 

11. (PUC-RS) A alternativa com pontuação correta é:
a) Tenha cuidado, ao parafrasear o que ouvir. Nossa capacidade de retenção é variável e muitas vezes inconscientemente, deturpamos o que ouvimos.
b) Tenha cuidado ao parafrasear o que ouvir: nossa capacidade de retenção é variável e, muitas vezes, inconscientemente, deturpamos o que ouvimos.
c) Tenha cuidado, ao parafrasear o que ouvir! Nossa capacidade de retenção é variável e muitas vezes inconscientemente, deturpamos o que ouvimos.
d) Tenha cuidado ao parafrasear o que ouvir; nossa capacidade de retenção, é variável e - muitas vezes inconscientemente, deturpamos o que ouvimos.
e) Tenha cuidado, ao parafrasear o que ouvir. Nossa capacidade de retenção é variável - e muitas vezes inconscientemente - deturpamos, o que ouvimos.

(CESCEM) Nas questões 12 a 24, os períodos foram pontuados de cinco formas diferentes. Leia-os todos e assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta: 12.
a) Entra a propósito, disse Alves, o seu moleque, conhece pouco os deveres da hospitalidade.
b) Entra a propósito disse Alves, o seu moleque conhece pouco os deveres da hospitalidade.
c) Entra a propósito, disse Alves o seu moleque conhece pouco os deveres da hospitalidade.
d)  Entra a propósito, disse Alves, o seu moleque conhece pouco os deveres da hospitalidade.
e) Entra a propósito, disse Alves, o seu moleque conhece pouco, os deveres da hospitalidade. 

13.
a) Prima faça calar titio suplicou o moço, com um leve sorriso que imediatamente se lhe apagou.
b) Prima, faça calar titio, suplicou o moço com um leve sorriso que imediatamente se lhe apagou.
c) Prima faça calar titio, suplicou o moço com um leve sorriso que imediatamente se lhe apagou.
d) Prima, faça calar titio suplicou o moço com um leve sorriso que imediatamente se lhe apagou.
e) Prima faça calar titio, suplicou o moço com um leve sorriso que, imediatamente se lhe apagou. 


14.
a) Era um homem de quarenta e cinco anos, baixo, meio gordo, fisionomia insinuante, destas que mesmo sérias, trazem impresso constante sorriso.
b) Era um homem de quarenta e cinco anos, baixo, meio gordo, fisionomia insinuante, destas que mesmo sérias trazem, impresso constante sorriso.
c) Era um homem de quarenta e cinco anos, baixo, meio gordo, fisionomia insinuante, destas que, mesmo sérias, trazem impresso, constante sorriso.
d) Era um homem de quarenta e cinco anos, baixo, meio gordo, fisionomia insinuante, destas que, mesmo sérias trazem impresso constante sorriso.
e) Era um homem de quarenta e cinco anos, baixo, meio gordo, fisionomia insinuante, destas que, mesmo sérias, trazem impresso constante sorriso. 

15.
a) Deixo ao leitor calcular quanta paixão a bela viúva, empregou na execução do canto.
b) Deixo ao leitor calcular quanta paixão a bela viúva empregou na execução do canto.
c) Deixo ao leitor calcular quanta paixão, a bela viúva, empregou na execução do canto.
d) Deixo ao leitor calcular, quanta paixão a bela viúva, empregou na execução do canto.
e) Deixo ao leitor, calcular quanta paixão a bela viúva, empregou na execução do canto. 

16.
a) Bem te dizia eu, que não iriam a bons resultados as tuas paixões simuladas.
b) Bem te dizia eu que, não iriam a bons resultados as tuas paixões simuladas.
c) Bem te dizia eu que não iriam a bons resultados, as tuas paixões simuladas.
d) Bem te dizia eu que não iriam, a bons resultados as tuas paixões simuladas.
e) Bem te dizia eu que não iriam a bons resultados as tuas paixões simuladas. 

17.
a) Eram frustradas, insatisfeitas; além disso, seus conhecimentos eram duvidosos.
b) Eram frustradas, insatisfeitas, além disso seus conhecimentos eram duvidosos.
c) Eram frustradas; insatisfeitas: além disso, seus conhecimentos eram duvidosos.
d) Eram frustradas, insatisfeitas; além disso, seus conhecimentos eram duvidosos.
e) Eram frustradas, insatisfeitas, além disso, seus conhecimentos eram duvidosos.

18.
a) Escancarou-as, finalmente; mas a porta, se assim podemos chamar ao coração, essa estava trancada e retrancada.
b) Escancarou-as finalmente; mas, a porta se assim podemos chamar ao coração, essa estava trancada e retrancada.
c) Escancarou-as, finalmente; mas a porta se assim podemos chamar ao coração, essa estava trancada, retrancada.
d) Escancarou-as finalmente; mas a porta, se assim podemos chamar ao coração, essa estava trancada e, retrancada.
e) Escancarou-as finalmente, a porta, se assim podemos chamar ao coração, essa estava trancada e retrancada. 

19.
a) E, tornou a olhar para a rua, inclinando-se, sorrindo enquanto na sala o pai continuava a guiar o Rubião para a porta, sem violência, mas tenaz.
b) E tornou a olhar para a rua inclinando-se, sorrindo, enquanto na sala, o pai continuava a guiar o Rubião para a porta, sem violência, mas tenaz.
c) E tornou a olhar para a rua, inclinando-se, sorrindo, enquanto na sala o pai continuava a guiar o Rubião para a porta, sem violência, mas tenaz.
d) E tornou a olhar para a rua, inclinando-se, sorrindo, enquanto na sala o pai continuava a guiar o Rubião para a porta, sem violência, mas, tenaz.
e) E tornou a olhar para a rua, inclinando-se, sorrindo, enquanto, na sala o pai continuava a guiar o Rubião para a porta sem violência, mas tenaz. 

20.
a) Esqueceu-me apresentar-lhe, minha mulher, acudiu, Cristiano.
b) Esqueceu-me, apresentar-lhe minha mulher, acudiu Cristiano.
c) Esqueceu-me, apresentar-lhe: minha mulher acudiu Cristiano.
d) Esqueceu-me apresentar-lhe minha mulher, acudiu Cristiano.
e) Esqueceu-me, apresentar-lhe; minha mulher acudiu, Cristiano. 

21.
a)  Em suma poderia haver algumas atenções, mas, não devia um real ninguém.
b)  Em suma, poderia dever algumas atenções, mas não devia um real ninguém.
c)  Em suma poderia dever algumas atenções, mas não devia um real a ninguém.
d) Em suma poderia dever, algumas atenções, mas não devia um real a ninguém.
e)  Em suma, poderia dever, algumas atenções, mas, não devia um real a ninguém. 

22.
a) A velhice ridícula é, porventura, a mais triste e derradeira surpresa da natureza humana.
b) A velhice ridícula é porventura a mais triste e, derradeira surpresa da natureza humana.
c) A velhice ridícula é, porventura a mais triste, e derradeira surpresa da natureza humana.
d) A velhice ridícula é porventura, a mais triste e, derradeira surpresa da natureza humana.
e) A velhice ridícula é, porventura, a mais triste e, derradeira surpresa da natureza humana.

23.
a) Um deles muito menor, que todos, apegava-se às calças de outro taludo.
b) Um deles, muito menor que todos, apegava-se às calças de outro, taludo.
c) Um deles, muito menor que todos apegava-se, às calças de outro, taludo.
d) Um deles - muito menor - que todos, apegava-se às calças de outro taludo.
e) Um deles muito menor que todos, apegava-se, às calças de outro taludo. 

24.
 a) Ensina-o a, converter cada espinho, em flor.
 b) Ensina-o, a converter, cada espinho em flor.
 c) Ensina-o a converter, cada espinho em flor.
 d) Ensina-o, a converter cada espinho, em flor.
 e) Ensina-o a converter cada espinho em flor 

(CARLOS CHAGAS-SP) Instruções para os exercícios de 25 a 28. Os períodos abaixo apresentam diferenças de pontuação. Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta: 25.
a) Hoje, eu daria o mesmo conselho, menos doutrina e, mais análise.
b) Hoje eu daria o mesmo conselho: menos doutrina e mais análise.
c) Hoje, eu, daria o mesmo conselho, menos doutrina e mais análise.
d) Hoje eu daria o mesmo conselho menos doutrina e mais análise.
e) Hoje eu, daria o mesmo conselho: menos doutrina, e, mais análise.
    
26.
a) Precisando de meu auxílio por favor não hesite em chamar-me.
b) Precisando, de meu auxílio, por favor não hesite em chamar-me.
c) Precisando de meu auxílio, por favor, não hesite em chamar-me.
d) Precisando de meu auxílio por favor não hesite, em chamar-me.
e) Precisando, de meu auxílio por favor, não hesite, em chamar-me. 

27.
a) Cada qual tem o ar que Deus lhe deu.
b) Cada qual, tem o ar que Deus, lhe deu.
c) Cada qual, tem o ar, que Deus lhe deu.
d) Cada qual tem o ar, que Deus, lhe deu.
e) Cada qual tem, o ar que Deus lhe deu. 

28.
a) Apesar de toda a atenção o fato passou despercebido a todos.
b) Apesar de, toda a atenção, o fato, passou despercebido a todos.
c) Apesar de, toda a atenção o fato passou, despercebido a todos.
d) Apesar de toda a atenção o fato, passou despercebido, a todos.
e) Apesar de toda a atenção, o fato passou despercebido a todos.

29. (FUVEST) Assinale a alternativa em que o texto está pontuado corretamente:
a) Matias, cônego honorário e pregador efetivo, estava compondo um sermão quando começou o idílio psíquico.
b) Matias cônego honorário, e pregador efetivo estava compondo um sermão quando começou o idílio psíquico.
c) Matias, cônego honorário e pregador efetivo, estava compondo um sermão, quando começou o idílio psíquico.
d) Matias cônego honorário e pregador efetivo, estava compondo um sermão, quando começou, o idílio psíquico.
 e) Matias, cônego honorário e, pregador efetivo, estava compondo um sermão quando começou o idílio psíquico. 

30. (FUVEST) Assinale o período que está pontuado corretamente:
a) Solicitamos aos candidatos que respondam às perguntas a seguir, importantes para efeito de pesquisas relativas aos vestibulares.
b) Solicitamos aos candidatos, que respondam, às perguntas a seguir importantes para efeito de pesquisas relativas aos vestibulares.
c) Solicitamos aos candidatos, que respondam às perguntas, a seguir importantes para efeito de pesquisas relativas aos vestibulares.
d) Solicitamos, aos candidatos que respondam às perguntas a seguir importantes para efeito de pesquisas relativas aos vestibulares.
d) Solicitamos aos candidatos, que respondam às perguntas, a seguir, importantes para efeito de pesquisas relativas aos vestibulares. 

31. (FUVEST) Assinale a alternativa em que o texto esteja corretamente pontuado:
a) Enquanto eu fazia comigo mesmo aquela reflexão, entrou na loja um sujeito baixo sem chapéu trazendo pela mão, uma menina de quatro anos.
b) Enquanto eu fazia comigo mesmo aquela reflexão, entrou na loja, um sujeito, baixo, sem chapéu, trazendo pela mão, uma menina de quatro anos.
c) Enquanto eu fazia comigo mesmo aquela reflexão, entrou na loja um sujeito baixo, sem chapéu, trazendo pela mão uma menina de quatro anos.
d) Enquanto eu, fazia comigo mesmo, aquela reflexão, entrou na loja um sujeito baixo sem chapéu, trazendo pela mão uma menina de quatro anos.
e) Enquanto eu fazia comigo mesmo, aquela reflexão, entrou na loja, um sujeito baixo, sem chapéu trazendo, pela mão, uma menina de quatro anos. 

32. (UF SÃO CARLOS) Assinale a correta:
a) O fogo, está apagado; defendeu-se a moça; mas, o almoço está pronto.
b) O fogo está apagado, defendeu-se a moça. Mas, o almoço, está pronto.
c) O fogo está apagado... defendeu-se, a moça; mas o almoço está pronto.
d) O fogo está apagado? Defendeu-se a moça. Mas o almoço, está pronto.
e) O fogo está apagado - defendeu-se a moça. Mas o almoço está pronto. 

33. (PUCC) Observe as frases:
I - Ele foi, logo eu não fui;
II - O menino, disse ele, não vai;
III - Deus, que é Pai, não nos abandona;
IV - Saindo ele e os demais, os meninos ficarão sós. Assinale a afirmativa correta:
a) Em I há erro de pontuação
b) Em II e III as vírgulas podem ser retiradas sem que haja erro.
c) Na I, se se mudar a vírgula de posição, muda-se o sentido da frase
d) Na II, faltam dois pontos depois de disse
e) n.d.a 

34. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que está corretamente indicada a ordem dos sinais de pontuação que devem preencher as lacunas da frase ao lado: Quando se trata de trabalho científico - duas coisas devem ser consideradas - uma é a contribuição que o trabalho oferece - a outra é o valor prático que possa ter.
a) dois pontos, ponto e vírgula, ponto e vírgula
b) dois pontos, vírgula, ponto e vírgula
c) vírgula, dois pontos, ponto e vírgula
d) ponto e vírgula, dois pontos, ponto e vírgula
e) ponto e vírgula, vírgula e vírgula 

35. (FUVEST) Assinale a alternativa em que o período proposto está corretamente pontuado:
a) Neste ponto viúva amiga, é natural que lhe perguntes, a propósito da Inglaterra como é que se explica, a vitória eleitoral de Gladstone.
b) Neste ponto, viúva amiga, é natural que lhe perguntes, a propósito da Inglaterra, como é que se explica a vitória eleitoral de Gladstone.
c) Neste ponto, viúva amiga é natural que, lhe perguntes a propósito da Inglaterra, como é que se explica a vitória eleitoral, de Gladstone?
d) Neste ponto, viúva amiga, é natural, que lhe perguntes a propósito da Inglaterra, como é que, se explica a vitória eleitoral de Gladstone.
e) Neste ponto viúva amiga, é natural que lhe perguntes a propósito da Inglaterra como é, que se explica, a vitória eleitoral de Gladstone? 

36. (FUVEST) Escolha a alternativa em que o texto é apresentado com a pontuação mais adequada:
a) Depois que há algumas gerações, o arsênico deixou de ser vendido, em farmácias, não diminuíram os casos de suicídio, ou envenenamento criminoso, mas aumentou - e quanto ... o número de ratos.
b) Depois que há algumas gerações o arsênico, deixou de ser vendido em farmácias, não diminuíram os casos de suicídio ou envenenamento criminoso, mas aumentou: e quanto o número de ratos.
c) Depois que, há algumas gerações, o arsênico deixou de ser vendido em farmácias, não diminuíram os casos de suicídio ou envenenamento criminoso, mas aumentou, e quanto - o número de ratos.
d) Depois que há algumas gerações o arsênico deixou de ser vendido em farmácias, não diminuíram os casos de - suicídio ou envenenamento criminoso, mas aumentou, e quanto - o número de ratos.
e) Depois que, há algumas gerações o arsênico deixou de ser vendido em farmácias, não diminuíram os casos de suicídio ou envenenamento criminoso, mas aumentou; e quanto, o número de ratos. 

(CARLOS CHAGAS-SP) Instruções para os exercícios de 37 a 47. Os períodos abaixo apresentam diferenças de pontuação. Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta: 37.
a) Quem foi, que me disse, que o Pedro estava à procura, de uma gramática de alemão?
b) Quem foi que, me disse, que o Pedro, estava à procura de uma gramática, de alemão?
c) Quem foi que, me disse que o Pedro estava à procura de uma gramática de alemão?
d) Quem foi que me disse que o Pedro estava à procura de uma gramática de alemão?
e) Quem foi, que me disse que o Pedro, estava à procura de uma gramática, de alemão?

38.
a) Cada qual, busca a salvar-se , a si próprio.
b) Cada qual busca, a salvar-se a si próprio.
c) Cada qual, busca a salvar-se a si, próprio.
d) Cada qual busca, a salvar-se, a si próprio.
e) Cada qual busca a salvar-se a si próprio. 

39.
a) Justamente no momento em que as coisas iam melhorar, ele pôs tudo a perder.
b) Justamente no momento em que as coisas iam melhorar, ele pôs tudo, a perder.
c) Justamente, no momento, em que as coisas iam melhorar, ele pôs tudo a perder.
d) Justamente no momento, em que as coisas iam melhorar, ele pôs tudo, a perder.
e) Justamente, no momento em que as coisas iam melhorar ele pôs tudo, a perder. 

40.
a) Prezados colegas deixemos agora a boa conversa, de lado!
b) Prezados colegas deixemos agora, a boa conversa de lado!
c) Prezados colegas, deixemos agora, a boa conversa de lado!
d) Prezados colegas deixemos agora a boa conversa de lado!
e) Prezados colegas, deixemos agora a boa conversa de lado! 

41.
a) O assunto do romance: é o naufrágio, do navio no mar encapelado, o tema a força, trágica, do destino.
b) O assunto do romance é o naufrágio do navio no mar encapelado; o tema, a força trágica do destino.
c) O assunto do romance é, o naufrágio do navio, no mar encapelado, o tema a força trágica do destino.
d) O assunto do romance é o naufrágio do navio no mar encapelado; o tema a força, trágica do destino.
e) O assunto do romance é, o naufrágio do navio, no mar encapelado; o tema a força trágica do destino.

42.
a) Tu meu amigo, se não me engano, estás atrasado.
b) Tu meu amigo se não me engano, estás atrasado.
c) Tu, meu amigo se não me engano estás atrasado.
d) Tu meu amigo, se não me engano estás atrasado.
e) Tu, meu amigo, se não me engano, estás atrasado.

43.
a) Imagine, comadre quem é que morreu?
b) Imagine comadre, quem é que morreu?
c) Imagine comadre, quem é, que morreu?
d) Imagine, comadre, quem é que morreu?
e) Imagine comadre quem é, que morreu? 

44.
a) Quase todos procediam da Prússia Oriental, da Pomerânia; havia porém, alguns que vinham do Reno.
b) Quase todos, procediam da Prússia Oriental da Pomerânia; havia porém alguns que vinham do Reno.
c) Quase todos, procediam da Prússia Oriental, da Pomerânia, havia porém, alguns que vinham do Reno.
d) Quase todos procediam da Prússia Oriental, da Pomerânia; havia, porém, alguns que vinham do Reno.
e) Quase todos procediam da Prússia Oriental; da Pomerânia havia, porém, alguns, que vinham do Reno.

45.
a) Tantos fatos agradáveis, guardo-os a todos na memória.
b) Tantos fatos agradáveis guardo-os a todos na memória.
c) Tantos fatos agradáveis, guardo-os, a todos na memória.
d) Tantos fatos, agradáveis, guardo-os, a todos na memória.
 e) Tantos fatos, agradáveis guardo-os, a todos na memória.





46.
a) Ainda não sabemos quando se realizarão as provas.
b) Ainda não sabemos, quando se realizarão as provas.
c) Ainda, não sabemos quando, se realizarão, as provas.
d) Ainda não sabemos, quando se realizarão, as provas.
e) Ainda não sabemos, quando, se realizarão as provas.

47.
a) E, palavra, no caso desta última, senti profundamente o que aconteceu.
b) E palavra, no caso, desta última senti, profundamente o que aconteceu.
c) E palavra no caso desta última: senti profundamente, o que aconteceu.
d) E, palavra, no caso desta última senti profundamente o que, aconteceu.
e) E palavra: no caso desta última senti, profundamente o que aconteceu.

48. (CESCEM) Assinale a alternativa em que ocorre erro de pontuação:
a) Cada livro, dele de parte, o estilo traz uma novidade.
b) Cada livro dele, de parte o estilo traz, uma novidade.
c) Cada livro, dele de parte, o estilo, traz uma novidade.
d) Cada livro, dele, de parte, o estilo traz uma novidade.
e) Cada livro dele, de parte o estilo, traz uma novidade.

49. (CESCEM) Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta:
a) A questão, porém, não é de pão, é de manteiga.
b) A questão porém, não é de pão é de manteiga.
c) A questão, porém, não é de pão é de manteiga.
d) A questão porém não é de pão, é de manteiga.
e) A questão, porém não é de pão, é de manteiga. 

50. (FAU-SANTOS) Terminada a aula, o professor Jacinto, dirigindo-se à classe, disse: "Todos deverão trazer dicionário na próxima aula." No texto, as aspas foram colocadas:
a) para enfatizar a necessidade do dicionário.
b) porque a oração entre aspas vem depois dos dois pontos.
c) porque os componentes da frase estão em ordem inversa.
d) para sugerir que a falta do dicionário será prejudicial aos alunos.
e) para iniciar uma citação. 

51. (FUND. LUSÍADA) Assinale a frase de pontuação errada:
a) José, venha cá.
b) Paulo, o mais moço da família, é o mais esperto.
c) Ao acabar as aulas, os alunos se retiraram.
d) Os professores, os alunos, o diretor e os funcionários saíram.
e) São Paulo 22 de março de 1952. 

52. (FUVEST) Assinale a alternativa que está com a pontuação correta:
a) Citando o dito da rainha de Navarra, ocorre-me que entre o nosso povo, quando uma pessoa vê outra pessoa arrufada, costuma perguntar-lhe: "Gentes, quem matou seus cachorrinhos?"
b) Citando o dito, da rainha de Navarra, ocorre-me que entre o nosso povo quando, uma pessoa vê outra arrufada costuma perguntar-lhe: "Gentes, quem matou seus cachorrinhos?"
c) Citando, o dito da rainha de Navarra, ocorre-me que entre o nosso povo, quando uma pessoa vê outra pessoa arrufada costuma perguntar-lhe: "Gentes quem matou seus cachorrinhos?"
d) Citando o dito da rainha de Navarra, ocorre-me que entre o nosso povo, quando uma pessoa vê outra pessoa arrufada, costuma perguntar-lhe: "Gentes quem matou seus cachorrinhos?"
e) Citando o dito, a rainha de Navarra, ocorre-me, que, entre o nosso povo, quando uma pessoa, vê outra arrufada, costuma perguntar-lhe: "Gentes, quem matou seus cachorrinhos?" 


53. (FUVEST) Aponte a alternativa pontuada corretamente:
a) Com as graças de Deus vou indo mestre José Amaro!
b) Com as graças de Deus, vou indo mestre José Amaro!
c) Com as graças de Deus, vou indo, mestre José Amaro!
d) Com as graças de Deus vou indo, mestre José Amaro!
e) Com as graças, de Deus, vou indo mestre, José Amaro! 

54. (FMU) Assinale a alternativa que contenha emprego incorreto da vírgula:
a) Arrumou as malas, saiu, lançou-se na vida.
b) Os visados éramos nós, e eles foram violentamente torturados.
c) Eu contesto, a justiça que mata.
d) Preciso ouvir, disse o velho ao menino, a causa desse ressentimento.
e) O período consta de dez orações, porque esse é o número exato de verbos. 

55. (FMU) Em "A menina, conforme as ordens recebidas, estudou":
a) há erro na colocação das vírgulas
b) a primeira vírgula deve ser omitida
c) a segunda vírgula deve ser omitida
d) a forma de colocação das vírgulas está correta
e) n.d.a 

56. (CESGRANRIO) Das seguintes redações, assinale a que não está pontuada corretamente:
a) Os meninos, inquietos, esperavam o resultado do pedido.
b) Inquietos, os meninos esperavam o resultado do pedido.
c) Os meninos esperavam, inquietos, o resultado do pedido.
d) Os meninos inquietos esperavam o resultado do pedido.
e) Os meninos, esperavam inquietos, o resultado do pedido. 

57. (CARLOS CHAGAS-PR) Assinale a alternativa em que o texto está corretamente pontuado:
a) Bem te dizia eu, que não iriam a bons resultados as tuas paixões.
b) Bem te dizia eu que, não iriam a bons resultados as tuas paixões.
c) Bem te dizia eu que não iriam a bons resultados, as tuas paixões.
d) Bem te dizia eu que não iriam a bons resultados as tuas paixões.
e) Bem te dizia eu que não iriam, a bons resultados as tuas paixões. 

58. (CARLOS CHAGAS-PR) Assinale o período de pontuação correta:
a) Se alguém vier com perguntas a que você não sabe responder, será mais honesto dizer que vai estudar o assunto.
b) Se alguém, vier com perguntas a que você não sabe, responder, será mais honesto dizer que vai estudar o assunto.
c) Se alguém vier, com perguntas a que você não sabe responder será, mais honesto, dizer que vai estudar o assunto.
d) Se, alguém vier com perguntas, a que você não sabe responder, será, mais honesto, dizer que vai estudar o assunto.
e) Se alguém vier com perguntas a que, você não sabe responder, será mais honesto dizer, que vai estudar o assunto. 

59. (CARLOS CHAGAS-PR) Aponte a alternativa pontuada corretamente:
a) Como explicar, que as estruturas lógicas se tornam necessárias, num dado nível?
b) Como explicar, que as estruturas lógicas se tornam necessárias num dado nível?
c) Como explicar, que as estruturas lógicas, se tornam necessárias num dado nível?
d) Como explicar que as estruturas lógicas se tornam necessárias num dado nível?
e) Como explicar que as estruturas lógicas, se tornam necessárias num dado nível?

60. (UF-RS) Assinale o texto de pontuação correta: 
a) Eu, posto que creia no bem não sou daqueles que negam o mal.
b) Eu, posto que creia, no bem, não sou daqueles, que negam, o mal.
c) Eu, posto que creia, no bem, não sou daqueles, que negam o mal.
d) Eu, posto que creia no bem, não sou daqueles que negam o mal.
e) Eu, posto que creia no bem, não sou daqueles, que negam o mal.

61. (CARLOS CHAGAS-BA) Assinale o período de pontuação correta:
a) As folhas amarelecidas durante o outono, estão caídas ao pé, da árvore.
b) As folhas amarelecidas durante o outono estão caídas ao pé da árvore.
c) As folhas, amarelecidas durante o outono estão caídas, ao pé da árvore.
d) As folhas amarelecidas durante, o outono estão caídas, ao pé da árvore.
e) As folhas, amarelecidas durante, o outono, estão caídas ao pé da árvore.

62. (AFTN) Indique o trecho que apresenta erro quanto ao emprego dos sinais de pontuação:
a) "Interferências demagógicas de governos, levaram o Sistema Brasileiro de Habitação à falência em que hoje se encontra." (Folha de São Paulo, 05/10/89, p. A-4).
b) "Mas a disputa pelos direitos do livro - a ser editado no Brasil, evidentemente, pela Marco Zero, da qual Márcio de Souza é diretor - apenas começou." (Leia, agosto / 89, p. 14)
c) "O convite veio de Jofre Rodrigues, sócio principal da produtora J. N. Filmes. Assim que a notícia foi divulgada na Europa, editoras alemãs, francesas e americanas começaram a assediar o agente literário Thomas Colchio, que responde pelo escritor brasileiro na França." (Leia, agosto / 94, p. 14).
d) "Ao lado da disputa pelos direitos de filmagem da vida do líder seringueiro Chico Mendes, arma-se uma outra briga: o alvo, agora, é o argumento do filme, que será escrito pelo romancista amazonense Márcio de Souza." (Leia, agosto / 94, p. 14).
e) "O bom humor voltou à vida de Arraes depois do encontro com Brizola na semana passada. Exatamente o que conversaram os dois políticos ninguém sabe." (Folha de São Paulo, 05/10/89, p. 14).

63. (FCMSC-SP) Assinale o período de pontuação correta:
a) Embora soubessem quem era não abriram a porta.
b) Embora soubessem quem era, não abriram a porta.
c) Embora, soubessem quem era, não abriram, a porta.
d) Embora soubessem, quem era, não abriram a porta.
e) Embora, soubessem quem era não abriram, a porta.

64. (FCMSC-SP) Os períodos seguintes apresentam diferenças de pontuação. Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta:
a) Entreguei àquele rapaz, o filho do farmacêutico, a receita que, devia ser aviada.
b) Entreguei àquele rapaz, o filho do farmacêutico - a receita, que devia ser, aviada.
c) Entreguei àquele rapaz, o filho do farmacêutico, a receita que devia ser aviada.
d) Entreguei àquele rapaz o filho do farmacêutico, a receita que devia ser aviada.
e) Entreguei àquele rapaz - o filho do farmacêutico, a receita que devia, ser aviada.

65. (UF-MT) Os períodos seguintes apresentam diferença de pontuação. Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta:
a) O sinal, estava fechado; os carros, porém não paravam.
b) O sinal, estava fechado: os carros porém, não paravam.
c) O sinal estava fechado; os carros porém, não paravam.
d) O sinal estava fechado: os carros porém não paravam.
e) O sinal estava fechado; os carros, porém, não paravam.

66. (PUC) Os períodos seguintes apresentam diferenças de pontuação. Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta:
a) A enorme expansão demográfica, que começou no século XVIII, surge a mim etnólogo como um fenômeno capital.
b) A enorme expansão demográfica que começou no século XVIII surge a mim etnólogo como um fenômeno capital.
c) A enorme expansão demográfica, que começou no século XVIII, surge a mim, etnólogo, como um fenômeno capital.
d) A enorme expansão demográfica, que começou no século XVIII surge a mim etnólogo como um fenômeno capital.
e) n.d.a

67. (ETF-SP) Os períodos seguintes apresentam diferenças de pontuação. Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta:
a) Nada compramos pois, a loja ainda, estava fechada.
b) Nada compramos; pois, a loja ainda estava fechada.
c) Nada compramos, pois a loja ainda estava fechada.
d) Nada compramos pois a loja ainda estava fechada.
e) Nada compramos, pois, a loja, ainda, estava fechada.

68. (ETF-SP) Os períodos seguintes apresentam diferenças de pontuação. Assinale a letra que corresponde ao período de pontuação correta:
a) Quando todos chegarem iniciaremos a sessão.
b) Quando, todos, chegarem iniciaremos a sessão.
c) Quando todos chegarem iniciaremos, a sessão.
d) Quando todos chegarem, iniciaremos a sessão.
e) Quando todos chegarem, iniciaremos, a sessão.

69. (TTN) Identifique o trecho em que algum sinal de pontuação não foi corretamente empregado:
a) Sócrates tem consigo, a seu lado, o que, primeiro, antes dos outros, ele mesmo chamou o seu demônio.
b) E, assim, nos seus momentos de hesitação e incertezas, era "a voz divina" (expressão sua) que lhe falava, onde ia achar novamente a segurança.
c) Freqüentemente, ó paradoxo! a voz o aconselhava a abstenção e não a ação.
d) E Nietzsche: Nessa natureza anormal, a sabedoria instintiva só se manifesta quando é para opor-se ao conhecimento consciente.
e) Se, em todos os homens produtivos o instinto, é uma força afirmativa e criadora, e a consciência crítica e negativa, em Sócrates, o instinto é crítico e a consciência uma afirmação. (Mário Pedrosa, com modificações)

70. (BANESPA) Assinale a alternativa em que a pontuação do período é incorreta:
a) Só te peço isto: que não demores.
b) A raposa, que é matreira, enganou o corvo.
c) Mal ele entrou, todos se retiraram.
d) A cartomante fez uma só previsão; que ele ainda seria feliz.
e) Pensei que não mais virias.

71. (ESAF) Assinale a frase correta quanto à pontuação:
a) O parágrafo único do artigo 37, também trata da isenção do imposto em caso semelhante ao estudado.
b) A mãe do soldado implorara piedade, confidenciou-me o tenente; o general porém, mandou executar a sentença.
c) Eu para não ser indiscreto, retirei-me calmamente da sala, quando percebi que o assunto era confidencial.
d) Embora o doente não corresse mais perigo, os médicos resolveram mantê-lo em observação durante doze horas.
e) É alentador, o que os indicadores econômicos demonstram: uma retomada do desenvolvimento em São Paulo, o maior parque industrial brasileiro.

72. (FARIAS BRITO) "Mas não me engano: a beleza dessa face, (1) oculta sombras traiçoeiras. Em todo caso, (2) sugiro a igreja de Itaipu para a cerimônia, (3) velha de mais de duzentos anos, (4) e que se eleva serenamente no alto de uma colina. Perto dela, (5) tudo parece mais duradouro." (Lúcio Cardoso: Diário) Uma das vírgulas (,) desse texto foi empregada de forma não aconselhável, pois separa o termo regente do regido. Essa vírgula é:
a) 5        b) 4            c) 3       d) 2           e) 1

73. (TRE-RJ) Há erro de pontuação em:
a) "O jeito não é uma instituição legal nem ilegal: é ‘paralegal’."
b) "Estes se governam por relações voluntarísticas; aqueles, por fórmulas impositivas."
c) "O que nos leva ora à solução elegante e proveitosa - para os juristas - da mudança da Constituição, ora a interregnos deselegantes de ditaduras inconstitucionais."
d) "A curto prazo, entretanto, pode gerar intolerável tensão institucional, que não fora a válvula de escape do jeito, arriscaria perturbar o funcionamento da sociedade."
e) Mas, forçoso é reconhecer, que há raízes sociológicas mais profundas."

74. (FAAP) Assinale a opção que contenha o texto pontuado corretamente:
a) No inverno através dos vidros ele vê a trama dos finos galhos negros.
b) No inverno através dos vidros, ele vê, a trama dos finos galhos negros.
c) No inverno através dos vidros ele vê: a trama dos finos galhos, negros.
d) No inverno, através dos vidros, ele vê, a trama, dos finos galhos negros.
e) No inverno, através dos vidros, ele vê a trama dos finos galhos negros.

(SANTA CASA) Nas questões 75 e 76, assinale a questão que contenha o texto pontuado corretamente: 75.
a) Precisando de um pequeno empréstimo procurou Carlão seu velho amigo.
b) Precisando, de um pequeno empréstimo, procurou, Carlão, seu velho amigo.
c) Precisando de um pequeno empréstimo procurou, Carlão, seu velho amigo.
d) Precisando de um pequeno empréstimo, procurou Carlão, seu velho amigo.
e) Precisando, de um pequeno empréstimo procurou, Carlão seu velho, amigo.

76.
a) Permita-me, portanto cumprimentá-lo, por tão brilhante desempenho.
b) Permita-me, portanto, cumprimentá-lo por tão, brilhante desempenho.
c) Permita-me portanto, cumprimentá-lo, por tão brilhante desempenho.
d) Permita-me portanto cumprimentá-lo por, tão brilhante desempenho.
e) Permita-me, portanto, cumprimentá-lo por tão brilhante desempenho.

77. (CARLOS CHAGAS) Assinale a questão que contenha o texto pontuado corretamente:
a) Como estavam atarefados não puderam vir ontem.
b) Como estavam atarefados não puderam vir, ontem.
c) Como estavam atarefados, não puderam, vir ontem.
d) Como estavam atarefados não puderam, vir, ontem.
e) Como estavam atarefados, não puderam vir ontem.

78. (ITA) Assinale a questão que contenha o texto pontuado corretamente:
a) Ele não virá hoje; não contem, portanto, com ele.
b) O reitor daquela famosa universidade italiana, chegará aqui amanhã.
c) São José dos Campos 15 de março, de 1985.
d) Quero que, assine o contrato.
e) Qualquer bebida que, contenha álcool, não dever ser tomada por você.

79. (ITA) Dada as sentenças: 1. Quase todos os habitantes daquela região pantanosa, e longe da civilização, morreram de malária. 2. Pedra que rola não cria limo. 3. Muitas pessoas observaram com interesse, o eclipse solar.
Deduzimos que:
a) apenas a sentença número 1 está correta
b) apenas a sentença número 2 está correta
c) apenas a sentença número 3 está correta
d) todas estão corretas
e) n.d.a

80. (AFTN) Assinale a seqüência de sinais de pontuação que preenche corretamente os espaços numerados no texto: "É através da dinâmica institucional 1 que se fabrica 2 quase sempre 3 o delinqüente juvenil. A instituição 4 ao invés de recuperar 5 perverte 6 ao invés de reintegrar e ressocializar 7 exclui e marginaliza 8 ao invés de proteger 9 estigmatiza." (Vicente Faleiros)
1 2 3 4 5 6 7 8 9
a) , , , ; , ; ,
b) , , , , ; , ; ,
c) , , : ; : ; :
d) , , ; ,
e) , , , - - , , ; ,
(AFTN) Nas questões 81 e 82, marque o texto em que os sinais de pontuação não foram usados corretamente:

81.
a) Denis de Rougemont tornou o Romance de Tristão e Isolda, datado do século XVII, como o "nascimento da paixão" no Ocidente.
b) Contra o casamento de interesse e contra a concepção cristã do casamento feliz por amor, a paixão é um estado amoroso que parece se alimentar da sua própria impossibilidade, encontrando a sua máxima realização no seu obstáculo supremo, que é a morte.
c) Rastreando os enigmas da paixão, contidos em Tristão e Isolda, Rougemont aponta as fontes do mito nas heresias de fundo maniqueístas, para as quais a morte, representa a passagem da Noite da matéria para o Dia luminoso do espírito.
d) Vivendo, no seu transporte febril, a promessa vigente de uma libertação dos limites da existência e da infelicidade do viver, os amantes, que se buscam e que se afastam, mais fiéis à própria paixão do que ao desejo da presença do outro, buscam transfigurar a morte em triunfo.
e) Implícito no código cortês da poesia trovadoresca, recorrente numa longa tradição literária, alimentado na ficção de massas (e dissipado do seu fundamento místico), o amor-paixão vigora em contradição com as normas sociais e a ortodoxia religiosa. (José Miguel Winsk; com adaptações)

82.
a) Uma das articulações clássicas da tradição marxista, a que junta a pobreza à dominação, se desfez nas sociedades desenvolvidas: cada vez mais se torna possível a satisfação das necessidades econômicas sem que as exigências políticas sejam atendidas.
b) Neste sentido, faz-se problemática a conceituação de progresso.
c) Mais complexas ainda, se tornam as definições sobre o conceito se pensarmos em um outro elemento, dificilmente presente nas reflexões tradicionais da filosofia política - a questão da felicidade.
d) Esta, juntamente com o tema da paixão, foi reduzida, na nossa tradição, ao domínio da subjetividade, do psicológico.
e) Propomo-nos a pensar a dimensão da paixão na política e tomamos, como ponto de partida, alguns artigos de Walter Benjamin. (Kátia Muricy; com adaptações).

83. (TFC) Assinale a opção cujo período apresenta pontuação correta:
a) O Vice-Presidente da República, além de outras atribuições que lhe forem conferidas por lei complementar, auxiliará o Presidente sempre que, por ele convocado, para missões especiais.
b) O Vice-Presidente da República, além de outras atribuições, que lhe forem conferidas, por lei complementar, auxiliará o Presidente sempre que por ele convocado para missões especiais.
c) O Vice-Presidente da República, além de outras atribuições que lhe forem conferidas, por lei complementar auxiliará o Presidente, sempre que por ele convocado, para missões especiais.
d) O Vice-Presidente da República, além de outras atribuições, que lhe forem conferidas por lei complementar, auxiliará o Presidente sempre que, por ele convocado, para missões especiais.
e) O Vice-Presidente da República, além de outras atribuições que lhe forem conferidas por lei complementar, auxiliará o Presidente, sempre que por ele convocado para missões especiais. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário