Google+ Followers

sábado, 30 de março de 2013

Qual é o Gênero?


   À exceção dos seres sexualmente diferenciados, o gênero de alguns substantivos fixa-se ao longo da evolução histórica de cada língua. Assim, não raro um mesmo substantivo difere, quanto ao gênero, de uma língua para outra. Existem palavras que possuem gênero ambíguo, a elas se aplicando tanto o masculino como o feminino. Há nomes que são chamados comuns de dois, por se aplicarem a ambos os sexos. Diante das variações possíveis, o gênero de algumas palavras costuma provocar discussões. Veja a seguir as dúvidas mais frequentes:

O guaraná ou a guaraná? O refrigerante, feito de um fruto da Amazônia, possui gênero masculino, da mesma forma que o fruto. Fala-se erradamente em ‘a guaraná’, por analogia a outros refrigerantes (como a Coca, Pepsi, etc.).
Por Exemplo: Vamos beber um guaraná.
generos_guarana.jpg (1754 bytes)
O aguardente ou a aguardente? É substantivo de gênero feminino.
Por Exemplo: Esta aguardente é a melhor que encontramos no mercado.
generos_aguardente.jpg (1106 bytes)
O gambá ou a gambá? Tanto faz. As duas formas são corretas.
Por Exemplo: A gambá é um animal mamífero.
generos_gamba.jpg (2054 bytes)
O pernoite ou a pernoite? É substantivo de gênero masculino.
Por Exemplo: O pernoite nesta pousada está um pouco caro.
generos_pernoite.jpg (2950 bytes)
O sabiá ou a sabiá? Tanto faz. As duas formas são corretas.
Por Exemplo: O canto da sabiá é muito conhecido.
generos_sabia.jpg (2874 bytes)
O laringe ou a laringe? Tanto faz. As duas formas são corretas.
Por Exemplo: O laringe evita a penetração de alimento na traqueia.
generos_laringe.jpg (2691 bytes)
O diabete ou a diabete? As duas formas são aceitas. Em alguns casos, usa-se diabetes, que apesar do "s" final, trata-se de um vocábulo no singular. Assim, tem-se: o diabete, a diabete, o diabetes ou a diabetes.
Por Exemplo: Na aula de biologia, estudaremos o diabete.
generos_diabete.jpg (1818 bytes)
O fênix  ou a fênix?  É substantivo de gênero feminino.
Por Exemplo: A ave fênix, segundo a tradição egípcia, renascia das próprias cinzas.
generos_fenix.jpg (2974 bytes)

O cal ou a cal? É substantivo de gênero feminino.
Por Exemplo: A cal que vamos utilizar na obra já foi encomendada.
generos_cal.jpg (3375 bytes)
O púbis ou a púbis? É substantivo do gênero masculino.
Por Exemplo: O púbis é a parte mais anterior do osso ilíaco.
generos_pubis.jpg (2276 bytes)
O xerox  ou  a xerox? Tanto faz. As duas formas são aceitas. Por Exemplo: Peguei o xerox que a professora solicitou. generos_xerox.jpg (2706 bytes)
O magazine ou a magazine?  É substantivo de gênero masculino, originado da forma francesa magasin (armazém).
Por Exemplo: O magazine abrirá neste feriado.
generos_magazine.jpg (4259 bytes)
O mascote ou a mascote? É substantivo de gênero feminino, originado da forma francesa mascotte (representa boa ventura, boa sina). A mascote pode ser representada por pessoa, animal ou coisa, cuja presença traga boa sorte.
Por Exemplo: Nos jogos pan-americanos de 2007, o Brasil elegeu uma mascote.
generos_mascote.jpg (3016 bytes)
O fondue ou a fondue? É substantivo de gênero feminino, corresponde ao particípio passado do verbo fondre, que em francês significa fundir (derreter). O dicionário Aurélio e o Vocabulário Ortográfico da ABL registram fondue como substantivo de gênero feminino. Para o dicionário Houaiss, é substantivo de dois gêneros.
Por Exemplo: Nos dias frios, gosto de saborear uma fondue.
generos_fondue.jpg (3068 bytes)
O musse ou a musse? É substantivo de gênero feminino, originado da forma francesa mousse (espuma), referindo-se a uma preparação culinária leve e espumosa.
Por Exemplo: Adoro a musse de maracujá feita por minha mãe.
generos_mousse.jpg (1344 bytes)
O baguete ou a baguete? Segundo os dicionários Aurélio e Houaiss, é substantivo de gênero feminino. A palavra tem origem na forma francesa baguette (bastão pequeno e fino).
Por Exemplo: Comprei uma baguete para comer durante a tarde.
generos_baguete.jpg (1565 bytes)
O champanhe ou a champanhe? É substantivo de gênero masculino, pois refere-se a um vinho. A palavra originou-se da forma francesa champagne.
Por Exemplo: O champanhe é um vinho branco mundialmente conhecido e produzido na região de Champagne, no nordeste da França.
generos_champanhe.jpg (3169 bytes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário